Posts tagged ‘resenha’

Jogos Vorazes – Suzanne Collins

“Matar ou morrer. Não há escolha. Na arena, o mais capaz vence. Que os Jogos Vorazes comecem!”

Antes de começar a falar de como esse livro é excepcional, maravilhoso e todos os adjetivos possíveis, um comentário: HUNGER GAMES RULEEEEEEEEES!

A nação de Panem é constituída por uma suntuosa Capital cercada de 12 distritos periféricos. Como represália por um levante contra a capital, a cada ano os distritos são forçados a enviar um menino e uma menina entre 12 e 18 anos para participar dos Jogos Vorazes. As regras são simples: os 24 tributos,  são levados a uma gigantesca arena e devem lutar entre si até só restar um sobrevivente.

Quando Katniss Everdeen, de 16 anos, decide participar dos Jogos Vorazes para poupar a irmã mais nova, apesar de saber que essa pode ser sua sentença de morte. Mas a jovem usa toda a sua habilidade de caça e sobrevivência ao ar livre para se manter viva e começa um relacionamento com Peeta Mellark, o outro tributo enviado pelo Distrito 12 para lutar nos Jogos Vorazes.

(…)
Continue lendo este post no Espada&Rosa

Morto até o Anoitecer – Charlaine Harris

Morto até o Anoitecer - Livro

Desde o ano passado, tenho andando numa onda muito sobrenatural e, é claro, não podia deixar de ler os livros que inspiraram a famosa série, True Blood. Depois de ler Succubus Blues, creio que esse livro ficou um pouco leve, mas continua sendo “pesado”.

Sinopse:

Sookie Stackhouse é uma garçonete com um inusitado poder para ler a mente. Seu dom é a origem de seus problemas. Sempre acaba sabendo mais do que gostaria da gente que a rodeia. De todos menos de Bill Compton, porque sua mente, a de um vampiro que trata de reinserir-se na sociedade, é absolutamente impenetrável. Quando suas vidas se cruzam descobrirá que já não há volta atrás. A aparição de um assassino em série é a prova definitiva para sua confiança…
Com esta novela, Charlaine Harris demonstra até que ponto seu talento pode fazer que uma quase impossível mescla de vampiros, mistério, intriga e humor se converta em uma obra deliciosamente imprescindível.

O princípio da história foi o que mais me chamou a atenção. Esqueça as cenas de sexo e, concentre-se na história: vampiros vivendo entre nós e, aceitos! Sookie é uma garçonete com um poder epecial: ela lê os pensamentos (mãe do Edward?), por isso, sempre mamtém distância segura dos homens e, inclusive seu patrão. Essa distanciação muda, quando ela conhece o vampiro Bill, que não houve seus pensamentos, é charmoso, bom de cama e superprotetor, um amor de vampiro.

Leiam, pois o livro é muito interessante. Ele tem continuação, que eu irei ler e depois farei a resenha. E há, não esqueçam de dar uma espiadinha na série também, True Blood, na HBO, que já está na terceira temporada.

Inté, Garota Perdida.

Quer mandar alguma sugestão, dúvida ou crítica? Mande um e-mail para garotaperdida-@hotmail.com