Posts from the ‘Música’ Category

Músicas no Replay Returns

A criatividade está em falta hoje, mas antes de começar o post vou explicar porquê:

Nessa sexta-feira, dia 25 – ou dia do jogo do Brasil – terá aqui no Clube um liveblogging para comemorar a estreia da Lista n° 1 de moços bonitos da literatura. Para conhecer mais sobre “As Listas” você TEM que ver esse post aqui no blog Bem pra lá de Nirvana. É sério, VEJA!

Agora que você já viu o início da dominação global, vamos ao assunto desse post: As músicas que eu não paro de ouvir agora. O “Returns” no título do post é porque eu já fiz um Músicas no Replay antes.

PS: A primeira música dessa listinha deveria ser Undisclosed Desires porque eu ainda não consegui parar de escutar pelo menos 3 vezes por dia!!! (e coloca mais exclamações aí).

Waka Waka (This Time For Africa)

É a música tema da Copa. E estamos no maior clima de Copa do Mundo. E é da Shakira.

Tsamina mina eh, eh
Waka waka eh, eh
Tsamina mina zangalewa

This time for Africa

Não tinha como não viciar!

Heart-Shaped Box

Essa é antiga, mas bastou meu amigo começar a ouvir loucamente que eu também comecei a ouvir várias vezes. É do NIRVANA! :D

Hey, wait, I’ve got a new complain
Forever in debt to your priceless advice

Hey, wait, I’ve got a new complain

E a última: Brick By Boring Brick

Depois de The Only Exception, a música do Paramore que eu não consigo parar de ouvir é essa.

So one day he found her crying
Coiled up on the dirty ground
Her prince finally came to save her
And the rest you can figure out

But it was a trick and the clock struck twelve

Até a próxima!

Músicas no Replay

Eu normalmente fico com algumas músicas na cabeça por 2 semanas, às vezes mais ou menos tempo. Pode ser aquela do Top 10 da rádio, ou aquela que meu vizinho toca sem parar. Até alguns dias atrás, Telephone não saia da minha cabeça e eu cantava o refrão várias vezes durante a aula de física. Hoje as músicas que eu não paro de dar replay são essas aqui:

Maroon 5 – Wake Up Call

Não é a primeira vez que essa música fica na minha lista. Maroon 5 é uma das minhas bandas favoritas e esse videoclipe em especial, me desperta fortes desejos de pegar o Adam emoções.

Wake up call
Caught you in the morning
With another one in my bed
Don’t you care about me anymore
?”

Muse – Undisclosed Desires

Desde que postei essa música aqui, não consigo parar de ouvir. E também viciei minha professora, minha amiga e minha mãe de tanto cantar Undisclosed Desires e falar do Muse <3

I want to reconcile the violence in your heart
I want to recognize your beauty’s not just a mask
I want to exorcize the demons from your past
I want to satisfy the undisclosed desires in your heart

Momento minha-loucura: Esse refrão me lembra muito Blood Promise e Spirit Bound (VA #4 e #5). Sabe? Rose + Dimitri Strigoi… “Eu quero reconhecer que sua beleza não é só uma máscara/Eu quero exorcizar os demônios do seu passado.” Fim do momento.

Kings Of Leon – Closer

Meu desespero por True Blood + Kings Of Leon. É isso aí que deu. Não é só a voz do Caleb que deixa essa sensação de “perigo e sedução” (?) já que a letra da música é tipo…

She took my heart, I think she took my soul
With the moon I run
Far from the carnage of the fiery sun

Driven by the strangle of vein
… Baby I’ll bleed you dry

Música bônus: Rich Girl – Gwen Stefani

Ontem eu vi Os Delírios de Consumo de Becky Bloom de novo na HBO, e essa música é o toque do celular da Becky…

E então, gostaram de alguma? Qual música você não consegue parar de ouvir no momento?

Nostalgia

Se você, durante esta lista pensar ou falar: “ah, é mesmo …”, “ah, que saudade” ou “nossa, eu gostava deles” ou algo do tipo, eu peguei você: toca aí, companheira/o maior de idade. Agora, se você não conhece ou não viu, ou ainda, não sabia que eles eram assim, bem vindos ao passado!

Christina Aguilera – Dirty
Christina é uma cantora que eu sempre ouvia escondida. Não por ser uma adolescente que passou do punk para o gótico, mas porque os clipes dela são tensos. Mas a mulher canta muito e suas músicas sempre causam.

Leia mais…

Girl Power: Não há limites para nós!

Conversando com umas colegas hoje, percebi o quanto algumas de nós – garotas – se limitam tanto a determinados gêneros literários, musicais e cinematográficos.

Antes que tirem conclusões erradas sobre o assunto do post; sou amante de chick-lits, comédias românticas, pop music e tudo relacionado à cultura pop. O problema é que algumas de nós não se permitem gostar mais do que isso. Talvez minha personalidade feminista tenha influenciado alguns pontos do texto, mas vamos lá.

Filmes:

Um dia desses estava lendo uma revista (acho que era a Gloss) e vi uma pequena nota sobre Homem de Ferro 2, dizendo o seguinte: “Se o namorado a arrastou para o cinema para ver o primeiro Homem de Ferro e você até gostou um pouco, vá com ele ver Homem de Ferro 2”.

E você me pergunta: Qual o problema com essa nota?!

Leia mais…

Minha série: The O.C

CALIFORNIAAAAAA, HEREEE WE COOOMEEEE

Vocês não sabem o quanto eu enrolei para escrever sobre The O.C.

Quando escrevemos o 1° “Como estragar uma série” eu pensei no quão lógico seria eu extravasar toda a minha revolta de O.C no post, mas fiquei enrolando por dias porque não encontrava palavras certas para iniciar o assunto. Hoje, depois de semanas, eu venho falar sobre a série que mais me marcou, me fez chorar e me deixou feliz. E não coloco na sessão “Como estragar uma série” porque não vou só falar de como a série chegou no fundo do poço, mas também de seus momentos de glória divina.

Leia mais…

Música: The Pretty Reckless

Ei!  Já devem ter ouvido falar da The Pretty Reckless, banda da Taylor Momsen, atriz da série Gossip Girl. É uma banda de rock, na qual eu nunca havia parado para prestar muita atenção, mas que descobri ser mesmo boa. Já tinha ouvido uma ou duas musicas em vídeos de shows e não tinha colocado fé (assumo que julguei cedo demais), mas vazou um suposto primeiro clipe da banda e eles me conquistaram.

O clipe não é oficial, estão dizendo que é só uma promo do clipe que virá dia 17 desse mês, mas ainda vale a pena. A musica é Makes me Wanna Die, que vai estar na trilha sonora do filme Kick-Ass.

A musica já ficou como meu novo vicio e não paro de ouvir (e adorei a letra). Recomendo que escutem também Blender, Superhero e Heart.

A banda assinou com a Interscope Records e tem seu primeiro CD previsto para esse mês. Vou esperar ansiosa.. escutem! Beijos. =*

[No MP4] Indicações Nacionais

Mais uma vez, está na hora de atualizar o meu mp4 player (que na verdade eu roubo do meu irmão caçula, mas ele precisa experimentar coisas novas). Dessa vez, tentando dar um up na música brasileira. Indicá-las é sempre difícil, pois sempre caio na armadilha de indicar uma banda muito regionalizada, muito pop ou muito alternativa, por isso mandem sugestões.

REC

– Para ir no show: Reação em Cadeia

Reação em Cadeia é uma banda gaúcha, com certa estrada. Tem letras significantes e melodias interessantes. Ela ensaiou um reconhecimento nacional, mas não conseguiram tocar no Faustão, nem no Gugu (pelo que eu saiba), mas conseguem sustentar a família graças a cena daqui. E sorte das fãs que não dividem mais o vocalista. (eu to dentro)
O show é cool e emocionante. Tente pegar a palheta do vocalista, você vai precisar de rapidez, concentração é muita técnica, pois o número de adolescentes que pularam em você não é tarefa para qualquer um. E se tiver sorte, você entra no camarim!

Músicas: Espero e Um Dia. (Não esqueça de procurar as versões acústicas.)
HORI
– Para ouvir com a mãe: Hori
De vez em quando (muito raramente) minha mãe gosta de uma banda que toca na televisão. Ela se assusta com as letras de hoje em dia, mas eu me assusto também.
Dessa vez, ela se “impressionou” com a Hori, banda onde o filho do Fábio Jr, o Fiuk, toca. Pois é, imagina a cara de “eu sabia” que ela fez quando eu lhe dei essa informação. Mas, voltando a banda, ela é diferente do que estávamos acostumados, mas aposto que o cabelo do Fiuk é chapado. E falando nele, não é que o menino tem uns trejeitos do pai, adorei!

Músicas: Só você (regravação do papai) e Segredo.

STEVENS

Para ouvir indo para a escola: Stevens

Na verdade, não sei muita coisa sobre a banda, quem for fã, fale um pouco mais sobre eles. Os conheci através de uma entevista na rádio e agora, procurando as fotos. Ela tem uma pegada bem leve, um pop rock, com letras beeem bonitinhas e que me lembram a minha adolescência. Vale dar uma ouvida, para ficar animadinho na escola.

Para ouvir: Parecia Estar.

Gostaram? Indiquem o que vocês ouvem de nacional. Até a próxima!

Qualquer dúvida, crítica ou sugestão, mandem para: garotaperdida-@hotmail.com.