Quando tudo começou a mudar…

Quem: Garota Urbana
Onde: Prédio abandonado dos Correios
Look: Blusa de algodão azul, calça jeans, All Star azul escuro e jaqueta jeans preta.

Já passava da meia-noite e nem um sinal de calma na cidade. Um acidente a duas ruas dali criou um engarrafamento de pelo menos três km e o barulho da ambulância não deixa ninguém aos arredores dormir. Mas o que me deixava mais incomodada era o cheiro de sangue. Não que eu vá sair que nem uma retardada louca atrás do primeiro arranhão na canela. (?) Alguém tinha morrido no acidente e eu sentia isso de longe.

Pulei do prédio direto para o chão. Se não fosse uma morta-viva ambulante, tinha me esborrachado no chão e quebrado pelo menos a coluna, mas apenas cai de pé.

A mais ou menos trinta minutos eu estou tentando despistar o cara que está me seguindo, por estar mais fraca que o normal, lutar seria suicídio.

Me encostei na parede perto da escada para o prédio de apartamentos no beco e falei alto suficiente:

– Espero que você tenha um bom motivo para me seguir ou você só está a fim de morrer? – logo que falei uma sombra apareceu ao meu lado e eu levantei o olhar. Leia mais…

Anúncios