Que atire a primeira pedra aquele que não tirou ou ficou com medo: de tirar uma nota baixa, da recuperação e reprovação. (Se alguém atirar a pedra eu taco ela de volta pela mentira…)

Desde quando estava no Jardim II (sério) tinha medo e olhe que eu só desenhava e brincava de massinha de modelar… Mas vamos ao que realmente interessa.

Cansei de ver pessoas chorando por causa desses pesadelos, alguns realmente mereciam, afinal não estudou e nem prestou atenção na aula, quer o que? Outros realmente se esforçaram, mas veio aquele maldito branco. O que fazer em uma hora dessas? Chore. Bom, se você for sensível que nem eu. Depois erga a cabeça e aceite o erro. Lodo após: concerte. Estudar é a melhor coisa que se pode fazer hoje em dia, afinal quem não tem pelo menos uma faculdade não consegue um bom emprego.

Vou passar algumas soluções para reverter essas situações (não posso provar a eficácia em todos que testarem, mas pelo menos funcionou com pessoas que conheço e até em mim):

– Separar um tempo do dia, fora do horário normal de aula para revisar o assunto do dia, de preferência antes de usar o computador ou fazer algo que o agrade. Por quê? Afinal, seria como uma recompensa por ter estudado. (hehe) (Esse tipo de solução foi pesquisada e bem aceita, só não me recordo da fonte, por favor, se souber quem fez, me passe.)

– Copiar a matéria do quadro e prestar atenção na explicação do professor. Isso já é um fato certo? Mas tem gente que esquece…

– Fazer resumos. Sempre ajuda, principalmente com humanas (História, Biologia, Geografia…) a fixar o assunto.

– Resolver os exercícios de exatas. Só desse jeito que você aprende mesmo, por que ficar só analisando uma equação (e etc) não adianta muito.

– Quando for estudar, esteja sentado e confortável. Estudar deitado é problemático.

– Se tiver só professores ruins. Tente fazer algum reforço ou estudar certas coisas por conta própria.

Existem outras soluções, mas essas são algumas que conheço. Confesso que não pratico muito elas, mas esse ano eu vou passar a praticar.

Leve em consideração que nem todo mundo é igual, então você pode aprender de um jeito diferente certo?

Não se desespere quando vier à nota baixa (existem aqueles que nem ligam, mas cuidado) para tudo tem uma solução, descubra o que você fez de errado e mude! Ainda quero conhecer profissionais que visitaram o nosso blog e logo vão ser: engenheiros, policiais, médicos, professores, técnicos e etc.

Espero ter ajudado um pouco, mas receber nota baixa, ficar para recuperação ou reprovar: isso dói.

Garota Urbana (sendo nerd)

Reflita:

Anúncios